fbpx

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Cras sollicitudin, tellus vitae condimentum egestas, libero dolor auctor tellus, eu consectetur neque.

Aperte enter para iniciar sua busca...

Fertilitat inaugura nova sede com tecnologia inédita no Sul

Fertilitat - Centro de Medicina Reprodutiva / Notícias  / Fertilitat inaugura nova sede com tecnologia inédita no Sul

Fertilitat inaugura nova sede com tecnologia inédita no Sul

A nova unidade do Fertilitat – Centro de Medicina Reprodutiva será inaugurada terça-feira (17), em Porto Alegre. Estimado em R$ 6 milhões, o empreendimento possui mil m², no 15º andar do complexo Medplex Santana. Considerada referência também para todo o interior do estado, a clínica já abre com uma tecnologia inédita no Sul do Brasil: uma incubadora que acompanha em tempo real o desenvolvimento dos embriões durante o período de cultivo. Fabricado na Noruega, o EmbryoScope utiliza a tecnologia time lapse. O investimento do equipamento foi de R$ 1 milhão.

“O equipamento assegura a qualidade do embrião sem mexer no meio do cultivo onde ele está inserido. Antes, era necessário retirá-lo da estufa duas a três vezes nesse processo. Agora, só deixará a incubadora para ser transferido ao útero da mulher”, explica Alvaro Petracco, ginecologista e diretor da clínica. Com apenas 30 centímetros, o EmbryoScope monitora o embrião 24 horas por dia, fazendo registros fotográficos a cada dez minutos.

Para a também diretora da clínica, Mariangela Badalotti, o crescimento e a nova fase do Fertilitat deve-se ao aumento da procura e ao trabalho exitoso da equipe. “Há bastante tempo, buscávamos ampliar a estrutura para oferecer mais conforto aos pacientes e melhor atendimento. Fomos vanguarda em fertilização no Rio Grande do Sul e queremos seguir crescendo cada vez mais”, ressalta a ginecologista.

O espaço conta com oito consultórios, além de novas salas de exames, de coleta e de recuperação. A moderna estrutura permitirá dobrar o número de procedimentos da clínica, que já auxiliou no nascimento de 5 mil bebês.

Referência na América Latina

A história da reprodução humana no Brasil passa pela trajetória de 32 anos do Fertilitat. Liderada pelos médicos Alvaro Petracco e Mariangela Badalotti, a clínica participou da geração do primeiro bebê de proveta da região Sul, Alvaro Luis, que completou 30 anos em 2019.

Desde então, o centro esteve presente em diversos marcos da medicina reprodutiva: em 1990, dos primeiros gêmeos nascidos por fertilização in vitro do Estado; em 1994, com a primeira gravidez por espermatozoide extraído do epidídimo na América Latina; e em 2002, no nascimento do primeiro bebê de congelamento de óvulos por técnica lenta do Brasil.