fbpx

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Cras sollicitudin, tellus vitae condimentum egestas, libero dolor auctor tellus, eu consectetur neque.

Aperte enter para iniciar sua busca...

Meus exames de Tireoide estão alterados. Isso pode afetar a minha fertilidade?

Fertilitat - Centro de Medicina Reprodutiva / Notícias  / Fertilidade feminina  / Meus exames de Tireoide estão alterados. Isso pode afetar a minha fertilidade?

Meus exames de Tireoide estão alterados. Isso pode afetar a minha fertilidade?

Tireoide

A tireoide ou tiroide é uma das maiores glândulas do corpo humano. Ela age em órgãos importantes como o coração, cérebro, fígado e rins. E acima de tudo, tem impacto direto em uma inúmeras ações, como no crescimento e desenvolvimento das crianças e adolescentes; na regulação dos ciclos menstruais; no peso; na memória; na concentração; no humor; e no controle emocional.

Ou seja, seu perfeito funcionamento garante o equilíbrio do organismo. Quando isso não ocorre, pode liberar hormônios em excesso o que chamamos de hipertireoidismo, ou em quantidade insuficiente, hipotireoidismo.

E quando falamos em equilíbrio do corpo humano, fertilidade tem tudo a ver, não é mesmo?

Tanto o hipertireoidismo quanto o hipotireoidismo podem afetar a fertilidade e, se não tratados de forma adequada, podem se associar a complicações da gestação e, até mesmo, a problemas para o feto.

Como são condições diferentes, hipertireoidismo e hipotireoidismo afetam a fertilidade feminina de forma distinta. De qualquer forma, há uma interação muito importante entre os hormônios tireoidianos e os ovários.

 

Como essas disfunções afetam a fertilidade?

Em ambas as situações pode ocorrer problemas na ovulação e abortamento e, no caso do hipertiroidismo, até mesmo problemas no feto.

 

É possível engravidar portando uma das duas condições?

Sim, é possível. Contudo, a indicação é realizar o tratamento adequado antes de iniciar as tentativas de gravidez. Sobretudo, devido aos medicamentos que deverão ser utilizados durante o tratamento. Ocorrendo a normalização da função tireoidiana, não haverá problemas para engravidar.

 

Um dos muitos mitos que mais se vê na internet sobre o assunto traz os benefícios da ingestão de iodo, antes e durante a gestação. A Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia alerta aos riscos e contraindica. Segundo a entidade, a indicação de suplementação deve ser individualmente avaliada, levando em conta alimentação e outros fatores.

 

FONTE:

Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia

Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia – Regional São Paulo

FacebookWhatsAppTwitterLinkedIn

Newsletter Fertilitat

Aproveite e receba conteúdo exclusivo por e-mail e fique por dentro das novidades, novos conteúdos, eventos e materiais feitos para você.

Fale conosco pelo Whats

Envia um Whatsapp e fale conosco sobre as suas dúvidas, sugestões e mais.

Entre em contato

Este espaço foi especialmente criado para que você possa agendar consultas de forma simples e ágil.